Sem categoria

InícioSem categoria (Page 3)

Com o intuito de que as empresas possam repor as horas não trabalhadas devido à paralisação do setor em decorrência da Covid-19, o prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, assinou decreto (9925, de 25 de maio de 2020) onde disciplina o novo horário de funcionamento dos equipamentos da construção civil. Fica estabelecido que o horário semanal de funcionamento de maquinários utilizados nas atividades de serragem de madeira (serra fitas), circulares, de estaqueamento (bate-estacas) e equipamentos

O Sinduscon de Balneário Camboriú e Camboriú fez um levantamento de dados junto a empresas associadas para estimar como o setor tem se comportado diante da Covid-19. Os números estimam que cerca de 80% das construtoras de Balneário Camboriú não demitiram colaboradores por conta da pandemia no período de março a maio deste ano. Questionadas se pretendem realizar desligamentos nos próximos 30 dias em função dos refexos gerados pela crise sanitária, 93% das empresas entrevistadas

O presidente do Sinduscon de Balneário Camboriú e Camboriú, engenheiro civil Nelson Nitz, esteve reunido com o prefeito Fabrício Oliveira na prefeitura local. Em pauta, o pedido de redução da alíquota do ITBI e a aplicação da lei municipal que determina o valor do imóvel que se caracteriza como fato gerador do tributo municipal. Nitz foi acompanhado de um grupo de empresários e representantes de classe ligados ao mercado imobiliário. Na ocasião, foi entregue um

Tendo em vista que a preservação das cadeias produtivas formadas por pequenas e médias empresas é vital para a rápida retomada da economia, o BNDES lançou o Programa Crédito Cadeias Produtivas. Trata-se de financiamento à capital de giro, direcionado a empresas de grande porte para atender a necessidade de liquidez de sua cadeia produtiva, formada por empresas de menor porte. A grande empresa atua como empresa-âncora passadora de recursos para as empresas menores, garantindo a manutenção

Quando entrega uma obra residencial pronta, a construção civil abre portas para milhares de novas frentes de trabalho. Só em Balneário Camboriú há cerca de 2,3 mil condomínios residenciais, empregando média de 6 mil pessoas e gerando outros 22 mil empregos indiretos. Considerada uma locomotiva que move diversos setores da economia, a construção civil abre frentes de trabalho em seus canteiros de obras, mas também para milhares de profissionais que atuam na manutenção, limpeza, portaria,